Seguro Viagem: O que é e porque fazê-lo?

O seguro viagem é um daqueles itens que muitos acabam esquecendo na hora de programar uma viagem, mas você já pensou na importância do seguro viagem e porque não podemos deixar de fazê-lo?

seguro viagem

O que é seguro viagem?

 

Da mesma maneira que planejamos nossa viagem com todo carinho, escolhendo a cia aérea, hospedagem, passeios, o item segurança é fundamental, afinal imprevistos podem acontecer e como diz o ditado.. “melhor prevenir do que remediar”.

O seguro viagem funciona como um seguro saúde temporário, mas também tem outras coberturas como extravio de bagagem, danos a mala, assistência em caso de emergência, despesas farmacêuticas, odontológicas, entre outras.

Poderá ser feito para qualquer tipo de viagem (nacional ou internacional), tanto com transporte aéreo, terrestre ou marítimo.

A cobertura do seguro viagem dependerá do plano escolhido na contratação e também do destino de sua viagem.

Seguros Nacionais:

 

O seguro viagem nacional não costuma ser muito utilizado pelo viajantes, já que muitos possuem seguro saúde válido dentro do território nacional.

No entanto, em pacotes turísticos as agências costumam incluir,  uma segurança a mais para o passageiro com um custo bem pequeno.

O custo beneficio neste caso compensa, já que em muitos casos o seguro cobre também itens como: danos a mala, despesas com atrasos ou cancelamento de voos (de acordo com a cobertura contratada).

Seguros Internacionais:

 

Já para uma viagem ao exterior, o seguro viagem torna-se indispensável.  Mesmo para aqueles viajantes que possuem planos de seguro saúde extensivo ao exterior.

Em algumas localidades como a Europa, existe a obrigatoriedade do seguro, já nos Estados Unidos não é uma exigência para se entrar no país, mas altamente recomendado.

Quais são os países que exigem o seguro?

Os países que exigem o seguro viagem fazem parte do Tratado de Schengen. 

O Tratado de Schengen é um acordo assinado entre países da Comunidade Européia, entre outros temas, estabelece a obrigatoriedade de os turistas possuírem Assistência a Viagens.

O valor mínimo de € 30.000, para garantir repatriação sanitária e assistência médica por doença e/ou acidente.

Este acordo torna obrigatória a contratação do seguro viagem para entrar nos países participantes, são eles:

Alemanha Islândia
Áustria Letônia
Bélgica Lituânia
Dinamarca Luxemburgo
Eslováquia Malta
Eslovênia Noruega
Espanha Países baixos
Estônia Polônia
Finlândia Portugal
França Republica Checa
Grécia Suécia
Hungria Suíça
Itália

O viajante deverá apresentar toda documentação solicitada pelo agente de imigração e responder as perguntas de forma objetiva e clara.

Caso as autoridades locais exigir o viajante deverá apresentar os documentos físicos (voucher e condições gerais) do produto adquirido no Brasil com todas as regras de coberturas, serviços e telefone de acesso a CENTRAL OPERATIVA.

Para entrar em Cuba também é obrigatório estar assegurado.  O país passou a exigir a partir de Maio de 2010 uma assistência médica com cobertura mínima de U$ 10.000,00.

A Venezuela Exige cobertura mínima de U$ 40.000,00 para assistência médica, bem como repatriação médica e funerária.

Para estudar na Austrália, também é preciso ter um seguro viagem. A diferença é que ele não é exigido para quem visita o país apenas a passeio.

Importante: Essas exigências são para viagens exclusivamente turísticas. Caso sua viagem seja para estudos ou longa estada no país, certifique-se se existem outras exigências.

Cobertura:

 

A cobertura do seguro viagem se inicia no momento do embarque até a data de seu retorno (esse deve ser o período mínimo contratado).

Existem vários seguros de acordo com o perfil de cada viajante (lazer, negócios, viagens em família).

Além das coberturas tradicionais, já existem também no mercado coberturas para viajantes esportista ou que irão viajar com animais.

Porque devo fazer um seguro viagem?

 

Se você ainda não está convencido da importância do seguro viagem, pense na seguinte situação:

Você esta caminhando tranquilamente pelas ruas de Nova Iorque, tropeça, cai de mal jeito e quebra o braço.

Com certeza não pensamos numa situação desta quando programamos nossa férias, mas isso pode acontecer em qualquer lugar.

Você poderá estar em um país ou cidade diferente da sua, onde um atendimento de emergência poderá ter custos altíssimos, muitas vezes bem mais elevados do que sua viagem inteira.

Então você irá perceber que aquela pequena economia no seguro viagem que você achou um gasto desnecessário, vai custar caro.

Esse poderia ser um exemplo extremo, mas é bem comum, já conheci várias pessoas que tiveram problemas semelhantes em suas férias.

Seguro Viagem X Assistência de Viagem:

 

A principal diferença entre o seguro viagem e a assistência de viagem é a forma de pagamento pelo serviço.

No seguro viagem, você terá que arcar com todas as despesas e depois solicitar reembolso de acordo com as normas contratadas.

Já a assistência de viagem, para a utilização você deverá entrar em contato com a central de atendimento, que indicará a rede credenciada para você ser atendido ser nenhum pagamento adicional.

Algumas seguradoras oferecem inclusive aplicativos que agilizam todo o atendimento.

Cuidados ao contratar um seguro viagem:

 

  • Informe sempre o destino da viagem e as atividades que serão praticadas (por exemplo se for fazer um esporte radical, o ideal é que esteja previsto esta condição no seu bilhete de seguro);

 

  • Opte por empresas reconhecidas no mercado e com fácil acesso em caso de emergência;
  • Se for utilizar o seguro do cartão de credito, entre em contato com a administradora do cartão e verifique se a cobertura está de acordo com suas necessidades e se informe em relação a reembolsos e todos os procedimentos do contrato;
  • Em qualquer situação é importante estar ciente de todas as clausulas contratuais, para que, em caso de utilização você não tenha surpresas.

 

Após contratar seu seguro:

 

  • Certifique-se de receber a apólice;
  • Imprima  em duas vias (leve uma com você e deixe a outra via com alguém de sua confiança para que te auxilie em caso de emergência);
  • Leia todas as informações e veja todos o procedimentos que devem ser seguidos (no extravio de bagagem ou mala por exemplo, existem documentos específicos que devem ser providenciados no aeroporto).

 

seguro viagem

 

Seguro feito, agora é só aproveitar sua viagem com toda tranquilidade e segurança, desfrute desse momento único e se enriqueça um pouco mais com aquilo que realmente levamos para a vida, nossas experiências!

 

 

Se você precisar de mais alguma ajuda ou informação sobre seguro viagem ou mesmo no planejamento e organização da sua viagem, utilize este link e conte com uma assessoria personalizada.

 

Não esqueça que você também pode deixar seus comentários aqui no post, fique a vontade se tiver mais alguma dica para compartilhar com nossos leitores.

 

See you!

 

Li.

 

 

Fonte: Portal Consular

 

3 comentários sobre “Seguro Viagem: O que é e porque fazê-lo?

    1. Li Souza Autor da Postagem

      Obrigada Fer! sim, está no post essa informação.. mas vou aproveitar sua dica e deixar mais especifico! Tks e continue nos acompanhando e enviando suas sugestões! super beijo, Li.

Deixe uma resposta

Seguro Viagem: Europa
GTA 60 EUROMAX GTA 60 EUROMAX Assistência médica EUR 60.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 23/dia*
TA 40 Especial - Internacional TA 40 Especial - Internacional Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.200 R$ 10/dia*
AT 40 INTER AT 40 INTER Assistência médica USD 40.000 Bagagem extraviada USD 1.500 (COMPLEMENTAR) R$ 26/dia*